Devscope developed e-commerce site for Sonae

casa.continente.pt

casa.continente.pt

DevScope delivered another e-commerce site for Sonae, this time for the home catalog http://casa.continente.pt . The challenge, once again, was a short delivery time-frame for their latest e-commerce store. This new Home catalog, is already shipping customer’s furniture to their houses, or enabling clients pickup at selected Continente stores. More on the new launch can be found on blogs like  Ana Antunes’s (HomeStyling, Querido, mudei a casa!

The new site for was developed with Microsoft technologies using ASP.NET MVC and SQL Server.

Projeto de BI do São João galardoado nos Prémios Hospital do Futuro 2011/2012

Hospital do Futuro

Hospital do Futuro

O Projeto de Business Intelligence “O Radar do São João“, desenvolvido pela DevScope, arrecadou o 1º prémio na categoria de Gestão & Economia da Saúde nos “Prémios Hospital do Futuro 2011/2012”.

Os prémios HdF são um organização conjunta do Fórum Hospital do Futuro e SINASE e têm como objectivo destacar e galardoar as pessoas e Organizações que mais contribuíram para o desenvolvimento nas Organizações da saúde em Portugal ao longo do ano do respetivo ano.

A Cerimónia de entrega decorreu durante a XX Conferência SInASE no dia 12 de Novembro de 2012, e foi presidida por sua Exª o Sr. Ministro da Saúde, Dr. Paulo Macedo.

Mais informação no site Hospital do Futuro.

Solução Business Intelligence do Centro Hospitalar de São João em destaque no Suplemento de Inovação e Tecnologia do Expresso

Projeto de Inteligência no Negócio do Centro Hospitalar de São João

Projeto de Inteligência no Negócio do Centro Hospitalar de São João

A solução de BI implementada pela DevScope no Centro Hospitalar de São João é apresentada no suplemento de Inovação e Tecnologia do Jornal Expresso.

“…A inovação reside numa plataforma onde está montada uma complexa teia de correlações entre todas as variáveis (como se de um conjunto de neurónios se tratasse), criando um fio condutor entre toda a informação relevante que é produzida no hospital e que permite responder a questões que até então nunca ninguém pensou serem possíveis. Prova disso são as mais de 30.000 perguntas respondidas pelo sistema num espaço de 6 meses…”

Leia o artigo completo aqui Expresso – Suplemento de Inovação e Tecnologia.